O PODER DA VONTADE: ELA REGE TUDO

A virtude da vontade (volição) está basicamente afeta ao âmbito astral/emocional (coração) de nós, seres humanos, regentes uníssonos de nossas vidas. Somos detentores únicos da capacidade de alteração de nossos destinos, a escolha eficaz de sermos um exemplo ativo no mundo das ações ou um ser insipiente inativo neste mesmo universo. Tudo é escolha, tudo é orientado por essa força, dita e reconhecida como descomunal e milagrosamente reconstituidora: A VONTADE.

Se nos deixássemos iludir e permanecêssemos na inação, nossos dias seriam milimetricamente calculados, mas sem êxito e novidade alguma. Seria como a adiação de novas atitudes, de novos sentimentos, de novos pensares. Tudo medianamente tedioso e sem reação.

O Homem, portanto, tem duas escolhas à sua frente: ou a de transformar e mudar tudo quanto é danoso e inútil ou permanecer e majorar essa insalubridade existencial que se encontra mergulhado. E tudo por opção própria. Não é de nos surpreender a capacidade reconstrutiva de muitos inseridos em contextos absurdamente penosos e tormentosos e, por outro lado, outros tantos que reclamam pesarosamente e nada fazem para mudar essa mórbida inação a que estão inseridos. Pura infelicidade. Esse homem, prisioneiro de seu caminho, esquece e adormece sua mente para a liberdade que lhe é um direito inalienável.

Por isso, repensemos muito escrupulosamente e honestamente em nosso “DEVER FAZER” aqui por baixo. Paremos de reclamar tão substancialmente e sejamos, mesmo, regentes ativos e eficazes de nossos portentosos destinos. A vida é, de fato, um milagre.

por Patriciatarologasp

Deixe uma resposta