Deusa Lara

Dia 20 de fevereiro – Deusa Lara

Roma possuí uma Deusa do Silêncio, que é venerada com o nome de Deusa Lara.

Sua história serve de exemplo até hoje pelas bruxas, para reconhecer a hora de se defender, calar, ousar e vingar.

O casamento de Lara com Júpiter foi recomendado pelo Rei, que julgara essa união em divindade, necessária ao estabelecimento do seu Novo Estado, que seria farto e seu reino feliz, mesmo ciente que Lara desejava ser livre e não queria casar.

Lara era a mais linda, caridosa, humilde e generosa ninfa do Rio Tibre e quando soube da decisão do Rei, resolveu fugir.

Júpiter que era apaixonado por Poder e Vaidade, não tendo conseguido achar Lara, porque ela se atirara no Rio Tigre, chamou todas as Ninfas do Lácio e lhes suplicou que impedissem que a ninfa Lara, se escondesse nas suas ribeiras e quem a localizasse e a trouxesse viva, ganharia poderes mágicos, ele não poderia perder a oportunidade de governar o Novo Estado ao lado de uma Deusa, se casariam e depois ele a mataria.

Todas prometeram que fariam o seu serviço. Lara, vendo-se só, foi denunciar ao Rei os desígnios de Júpiter e todo seu plano.

O Rei, irritado, não acreditou e fez cortarem sua língua e ordenou a Mercúrio que a conduzisse as masmorras do Castelo de onde jamais sairia.

No caminho, porém, Mercúrio, sensibilizado ante a beleza dessa ninfa, fez-se amar por ela e dessa união nasceram Dois Filhos que, por causa da Mãe, foram chamados Lares.

O Rei já velho, envenenado e muito doente, entendeu o erro que cometeu, seu reino estava desmoronando e Júpiter o tinha envenenado, tiranizou toda a população lhe impondo pesados impostos e castigos.

Assim, o Rei mandou soltar Lara que silenciosamente o curou, trouxe fartura e prosperidade ao reino, afastou Júpiter, finalmente para o reino dos Infernos, (sem falar uma só palavra) e foi abençoada como Mãe dos Lares e uma Deusa da Terra.

Seu nome significa “Aquela que torna a terra verde”.

É Invocada para trazer cura, fartura e uma colheita abundante.

É Venerada pelos romanos como Deusa do Silêncio, da Maledicência, da Morte e o Silêncio Eterno.

Também era Considerada como Guardiã dos Segredos e Juramentos, e protegia os Viajantes.

Se você passa por calúnias, inveja precisa para se livrar de boatos negativos ou vampiros opressores, sugadores de energia, tome de um banho de ervas (arruda, verbena, ou aroeira), acenda uma vela negra (ou de cor escura, verde, marrom ou roxo) num local silencioso, e peça a Deusa para queimar todas as fofocas, calúnias, mentiras e energias negativas da inveja e do ódio na chama da vela.

Faça preces vindas do coração, reze mentalmente em silêncio, depois medite no silêncio da Deusa Lara, pense nas resenhas negativas que já falaram ao seu respeito, em todos fofoqueiros, invejosos, vampiros e mentirosos, e peça a Deusa Lara que os puna e que eles recebam o devido retorno, que as línguas más se calem ou que sejam cortadas e rasgadas por Júpiter.

Ou se você falou de alguém peça desculpa à Deusa Lara, peça para que te proteja de tais males e que não permita que cause tais males aos outros, tente não fofocar ou de falar demais e preste mais atenção na sua vida…

A Wicca tem seus dogmas e segredos, cuidado com o que fala, peça desculpas pelas falsas calúnias e pela atração ao Poder e Vaidade.

A Lei Tríplice não perdoa, se você está mentindo que é bruxa, cuidado…há muitas Sacerdotisas, Magos e Feiticeiros que tudo veem e alcançam.

por Patriciatarologasp

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s