Os elementais da natureza

Elementais

Os elementais são os dinamizadores das energias da Natureza

Os elementais são os dinamizadores das energias da Natureza.

Vivem no nosso Mundo, mas numa dimensão paralela não podendo por isso ser vistos de uma forma fácil, mas como seres de luz que fazem a vontade Divina, se o desejarem ou isso for necessário, poderão se tornar visíveis.

Estes seres são invisíveis aos olhos humanos pelo facto de serem formas etéreas, habitantes de planos energéticos com múltiplas graduações não perceptíveis aos olhos humanos.

Cada um dos elementais tem suas características e modo de vida próprio, sendo sempre muito úteis e favoráveis à humanidade.

Os elementais estão ligados aos elementos:

TERRA – Gnomos, Duendes, Fadas, Elfos

ÁGUA – Ondinas, Sereias e Ninfas

FOGO – Salamandras

AR – Silfos e Hamadríades

Teophrastus Bomabstus, médico e alquimista, foi quem mais estudou os elementais, com suas pesquisas seguiu o caminho da alquimia e astrologia, pois ele acreditava que o homem tinha o poder de se curar a si próprio. Com seu estudo classificou os elementais da seguinte maneira:

ELEMENTAIS TERRA – Gnomos e Duendes, os gnomos tratando e sendo os senhores de tudo o que pertence ao reino animal, e os duendes tudo o que pertence ao reino vegetal.

ELEMENTAIS DA ÁGUA – Ondinas, Sereias e Ninfas, as Ondinas ficaram ligadas aos riachos, fontes, musgos e sobre as águas. As Sereias com as águas do mar. As Ninfas têm extraordinária leveza e suavidade que se encontram a levitar sobre as águas.

ELEMENTAIS DO FOGO – Salamandras, são entidades directas do fogo, que não possuem forma definida. Elas queimam e dão vida. Podem ter uma acção destrutiva ou creadora.

ELEMENTAIS DO AR – Silfos, Hamadríades e as Fadas, andam no ar voando ao sabor dos ventos, parecendo-se com os anjos. As fadas que estão ligadas à terra e ao ar, têm um tom branco muito brilhante. Podem ser alegres, simpáticas ou ter aspectos extremamente negativos, dependendo dos seres humanos, como represália ás suas maldades.

Características e divisões de alguns Duendes e Gnomos:

DULEI – O Duende da Alegria – alegre e bem disposto traz ao homem a possibilidade de tirar proveito de suas possibilidades.

DUNAZ – Duende da Natureza – Conhecedor de tudo o que diz respeito á natureza, devemos invocá-lo quando vamos plantar ou semear.

DUNDO – O Duende da União – Traz a amizade e solidariedade, torna-se facilmente amigo dos homens, ajudando-os contra os seus inimigos.

GNOA – Gnomida da Criatividade – Ligada ás artes, favorece a intuição e a criação aos artistas e a suas obras.

GOBE – Gnomo da Sabedoria – Dono de uma imensa sabedoria, é conselheiro, humilde e prestativo para quem precisa de tomar constantes decisões.

MAGNODUM – Duende da Magia – Grande cientista e esotérico, ajuda os homens a acordarem para uma nova consciência sobre seus conhecimentos ocultistas e experiências passadas.

MIGSA – Professora Migsa, Gnomida atrai a todos com sua sabedoria e seus truques, ajudando a resolver problemas e duvidas diárias.

MORAG – O mais sensível de todos -Harmonizador dos sentimentos do homem, fazendo sumir o egoísmo e a indiferença, fazendo também atrair o amor de quem se deseja.

MOVEG – o Duende dos Vegetais – Conhecedor da evolução da terra e da vida, ajuda a superar as dificuldades diárias, ajudando também na criação de novas ideias e planeamentos.

SAGMO – É o Gnomo que mais age influenciando o homem, adquirindo a personalidade daqueles que estão ao seu redor com gestos e expressões parecidas.

TENDE – Duende da Sorte – Favorece os momentos de felicidade, dá boa sorte, fazendo o homem enriquecer inesperadamente.

ÉTER  

Éter: pertence também ao elemento ar, mas é o ar da vida, um ar onde a aura sente. Nesse momento de esplendor eu sugiro que fiquem descalços, em um lugar tranquilo, com incenso de seu aroma preferido. (obs.: no momento dessa invocação sentimos um calafrio seguido de leveza e pureza de espírito, é algo indescritível). Deve ser feito ao amanhecer junto a uma árvore, respirando com leveza, ajuda a resolver problemas emocionais. 

Para que aconteça essa transmutação, devemos sempre ter respeito e concentração. Nunca invoque elementais sem uma necessidade justa ou por mero egoísmo. Eles são extremamente sensíveis e chegam até mesmo fazer reverter seus pedidos, caso sejam egoístas. 

ALTAR PARA OS ELEMENTAIS:

Escolha um lugar de Floresta (de preferência), pode ser num canto do seu jardim, ou em uma varanda cheia de plantas. Faça um altar com Pedras, coloque uma tigela de barro para oferecer frutas, um incensário de madeira ou bambu e castiçais de pedra. Acenda um incenso e velas coloridas sempre que fizer uma oferenda com frutas. Pode-se colocar flores e mel. Não coloque nada de plastico ou coisas que não sejam naturais. Se quiser pode também colocar uma fonte feita de elementos naturais (pedras, cristais, bambus madeiras) e deixe ligada junto ao altar.

ORAÇÃO AOS ELEMENTAIS:

Pequeninos guardiães 
Seres de luz infinita
De dia me tragam a paz 
De noite os dons da magia 
Invisíveis guardiães
Protejam os quatro cantos da minha alma 
Os quatro cantos da minha casa
Os quatro cantos do meu coração.

INVOCAÇÃO DOS ELEMENTAIS 

É preciso lembrar que, antes de mais nada, nós precisamos respeitar a energia da natureza. Faça uso somente para pedidos e obras grandes com dignidade, coração puro e sem sentimentos negativos como o egoísmo.

Salamandras: Invoque as salamandras com uma vela acesa, qualquer coisa que tenha chama. Invocar durante a luz do dia, de preferência às luzes do sol. Invocação às Salamandras traz mais força de vontade, vigor, entusiasmo e coragem. 

Gnomos: Invoque os gnomos estando com os pés descalços. É importante estar descalço para entrar em contato com a terra. Invocação aos gnomos ajuda na aquisição de riquezas e bens materiais. Lembre-se não só de pedir essas riquezas para você mas para o mundo, para o próximo também senão eles podem vir completamente ao contrário para você. 

Silfos: Antes de fazer o pedido, se inspire profundamente naquilo que você deseja e de preferência escolha um lugar calmo, sem nenhum tipo de interrupção. Invocação aos Silfos atua na condução de pensamentos em uma determinada pessoa, negócios e situação preocupantes. 

Ondinas: Invoque as ondinas estando com os pés descalços e tenha junto com você uma vasilha com água cristalina. Invocação às Ondinas ajuda no amor e na intuição. É importante estar virado para o norte quando fizer sua invocação. 

Quando for invocar os elementais da natureza, se concentre e invoque com muito respeito. Ao fazer a invocação, direcione ao pai dos elementais da natureza, Metatron. Enquanto faz a invocação, pronuncie em voz alta e vibrante. 

Quando fizerem essas invocações, sugiro agradecer ao Príncipe Metraton (pai dos elementais) por essa invocação bem sucedida. 

Sugestão de Invocação: “Obrigado Príncipe Metraton, pai dos elementais, por esta consagração do meu pedido ……(dizer o pedido), pois sei, que com sua ajuda, tudo que há vida, nesse momento estão sendo amenizado de seus problemas. Amém.”
“Eu vos saúdo, ….(nome do elemental)
Que representa o elemento …..(dizer o nome do respectivo elemento)
Ajudai-me a transformar esse meu pedido (falar o pedido)
Eu deposito em vós,
A minha imensa confiança,
Pois meus pensamentos, minhas atitudes estão sendo puras
Fazei de mim digno do vosso auxílio
Fazei de mim perfeito e nobre
Fazei de mim correto e justo
Mestres da(o)….. (falar o elemento),
Eu vos saúdo Fraternalmente.
Amém!”

Outras invocações

– Invocação aos GNOMOS: 

“Eu vos saúdo, Gnomos, que constituís a representação do elemento Terra, vós que constituís a base e fortaleza da terra, ajudai-me a transformar, a construir todas as estruturas materiais, assim como uma raiz fortifica a árvore frondosa. 

Gnomos, possuidores dos segredos ocultos, fazei-me perfeito e nobre, digno do vosso auxílio. 

Mestres da Terra, eu vos saúdo fraternalmente. Amém!” 

– Invocação às ONDINAS: 

“Eu vos saúdo, Ondinas, que consituís a representação do elemento água, conservai a pureza da minha alma, como o elemento mais precioso, da minha vida e do meu organismo. Fazei-me pleno de sua criação fecunda, e dai-me sempre intuição de forma nobre e correta. 

Mestres da água, eu vos saúdo fraternalmente. Amém!” 

– Invocação aos SILFOS: 

“Eu vos saúdo, Silfos, que constituís a representação do ar e dos ventos, portadores das mensagens para toda a terra, eu deposito em vós a minha imensa confiança, pois meus pensamentos são sempre positivos, voltados para o amor de todas as coisas existentes. Fazei de mim a imagem do esplendor da luz. Fazei deste pensamento meu milagre! 

Mestres do ar, eu vos saúdo, fraternalmente. Amém!” 

– Invocação às SALAMANDRAS: 

“Eu vos saúdo, Salamandras, que constituís a representação do elemento fogo, peço que, com vosso trabalho, fornecei a mim poder para resolver tudo, de acordo com vossa vontade, alimentando meu fogo interno, aumentando minha chama trina do coração, e assim formar um novo universo. 

Mestres do fogo, eu vos saúdo, fraternalmente. Amém!”

por Patriciatarologasp

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s