Deusa Héstia

Quem era Héstia
Filha de Cronos e Reia, Héstia era, na mitologia grega, a deusa virgem do lar, da família e da arquitetura. Era uma das 12 divindades gregas que habitava o Monte Olimpo. Era irmã de Zeus, Hades, Hera e Deméter.
De acordo com a mitologia grega, Héstia foi engolida por Cronos, porém resgatada pelo irmão Zeus. Era considerada uma das deusas mais bondosas, modestas e gentis. Prova disso é que não se envolvia em guerras ou qualquer outro tipo de conflito.
O que representava e importância
Héstia representava o fogo que ficava acesso nos lares dos gregos. O símbolo desta deusa grega era o fogo de uma lareira. Este fogo sagrado simbolizava a luz e a paz que deveria reinar nos lares gregos.
O fogo da deusa Héstia deveria ficar sempre acesso nos lares e nos templos.
Ela tinha como uma das principais funções mostrar a importância do lar na vida social, política e religiosa na Grécia Antiga.
Héstia foi pouco representada em pinturas e esculturas. Porém, aparece quase sempre com um longo vestido branco e com um véu no rosto. Uma vestimenta que representava a pureza e o caráter desta deusa. Em algumas esculturas aparece também segurando um cajado.
Curiosidade
– Ao fundar uma nova cidade, os gregos constumavam acender uma fogueira no local onde seria o centro político. Isto era feito com o objetivo de obter a proteção da deusa Héstia para a nova cidade.

por Patriciatarologasp

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s